QUANDO O ESPÍRITO BENFIQUISTA PREVALECE, NÃO HÁ DERROTA, CORRUPTO, MERCENÁRIO OU ARRUACEIRO QUE O CONSIGA APAGAR OU FAZER REGREDIR.
BENFIQUISMO É ESTADO DE ALMA SEM DEFINIÇÃO, PRIVILÉGIO DOS PUROS!

segunda-feira, 30 de junho de 2008

GRANDE AQUISIÇÃO

Gianpaolo Monteneri: «Declarações de Platini são muito fortes»

ADVOGADO DO BENFICA SOBRE PROCESSO NA UEFA


Gianpaolo Monteneri, o advogado contratado pelo Benfica para liderar o combate das águias junto da UEFA, acredita na possibilidade de os encarnados jogarem a Liga dos Campeões na próxima temporada, bastando para isso “que os regulamentos sejam aplicados”. E apoia-se nas palavras recentes do presidente do organismo que rege o futebol europeu, Michel Platini, para reforçar a ideia de que a razão está do lado encarnado.“Não é apenas um argumento do Benfica, é da UEFA. As declarações de Platini são muito fortes e vão no mesmo sentido daquilo que o Benfica pretende. Não se trata apenas de querer entrar na Champions, não é unicamente isso, tem a ver com adoptar condutas correctas, com ética. E se não há ética, não se pode participar na Champions. Foi essa a mensagem de Platini”, disse ao nosso jornal o advogado suíço. “O que queremos é que sejam aplicados os regulamentos da UEFA; e aplicados de uma forma correcta eles dizem que o FC Porto deve ficar fora da Champions e o Benfica deve ir à pré-eliminatória”, sintetizou.Platini tem aproveitado várias oportunidades para dar a entender que não concorda com a presença dos dragões na Liga dos Campeões. “Volto a dizer que a UEFA vai sempre lutar contra batoteiros”, afirmou este sábado, depois de explicar as “complicações jurídicas” que levaram o processo de volta ao Comité de Disciplina, recolocando os nortenhos na prova milionária. Monteneri explica que tal se deveu somente a questões processuais – “entenderam que todo o procedimento iria demorar demasiado tempo” – e não significa necessariamente que o Benfica tenha perdido a validade dos seus argumentos. “Preferia não falar das nossas motivações para não darmos vantagens aos nossos adversários, mas o nosso argumento principal é que foi tomada uma decisão definitiva contra o FC Porto [no processo Apito Final]. Essa decisão foi tomada pela Liga, não houve recurso, é definitiva. Por isso devia ter sido considerada pela instância da UEFA quando esta decidiu a admissão ou não do FC Porto na Champions.”

1 comentário:

GeracaoBenfica disse...

VERGONHA NA LIGA DE CLUBES!

INCENTIVO À CORRUPÇÃO:

http://geracaobenfica.blogspot.com/2008/07/isto-se-chama-uma-no-deciso.html

NÓS ADEPTOS VAMOS FICAR QUIETOS? ATE QUANDO?