QUANDO O ESPÍRITO BENFIQUISTA PREVALECE, NÃO HÁ DERROTA, CORRUPTO, MERCENÁRIO OU ARRUACEIRO QUE O CONSIGA APAGAR OU FAZER REGREDIR.
BENFIQUISMO É ESTADO DE ALMA SEM DEFINIÇÃO, PRIVILÉGIO DOS PUROS!

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

UM PORTISTA NADA PINTISTA


O meu apelido é Borrego e sou Portista.

Mais uma vez venho hoje aqui comentar assuntos que só dizem respeito ao Benfica, como já o fiz em outras ocasiões, por uma simples razão, aqui neste espaço e por comparação consigo comentar de forma livre e crítica tudo o que de mau se passa há mais de 30 anos no meu clube, desde que o Pequeno Grande Líder Pinto da Costa, tomou conta do FCP, já que nos blogues afectos ao meu clube só a carneirada submissa é que tem direito a botar faladura, tal e qual como na Coreia do Norte.


Atenção a todos os benfiquistas, eu não sou como muitos dos Portistas que aqui aparecem frequentemente, para através das discussões democráticas em volta da realidade do Benfica, tentar lançar confusão e tentar envenenar benfiquistas contra benfiquistas e se possível, ainda dizermal do Benfica.
Não, eu só falarei da realidade do FCP, tendo como comparação o que é aqui discutido.


Atenção a todos os Portistas, eu só venho aqui comentar a realidade do nosso clube, porque nos espaços que dizem respeito ao FCP é impossível ver publicado uma critica, por mais construtiva que ela seja, que coloque em causa a figura de Pinto da Costa, ou a sua péssima gestão ao longo destes mais 30 anos. Que só as constantes vitórias conseguem calar tudo e todos. E mesmo estas infelizmente muitas se devem ao que todos nós sabemos.

Também eu acreditei durante anos a fio, mais de vinte, que o FCP tinha um rumo e um futuro risonho com Pinto da Costa como presidente; ainda para mais tive títulos para festejar em barda…mas infelizmente são precisamente estes títulos que tem servindo de venda a todas as trafulhices que Pinto da Costa faz em nome do FCP, para seu proveito pessoal.

Também eu durante anos defendi Pinto da Costa e rejubilei com as vitórias alcançadas, até saber e depois reconhecer como é que elas
foram alcançadas e como foram aproveitadas por Pinto da Costa para ganhar e consolidar poder e influência sobre terceiros e assim tudo poder fazer para seu beneficio pessoal em nome do FCP, sem ser questionado, e ter assim que justificar como é que enriqueceu exponencialmente desde o dia que tomou conta do clube e ao mesmo tempo a dívida e as hipotecas do clube cresciam ao mesmo ritmo.
Sim porque no FCP, não há outros presidentes para trás para justificar a actual situação económico-financeira da FCP Sad e Clube.

Eu, infelizmente como portistas acreditei durante anos que as nossas vitórias desportivas eram a  consequência de um projecto credível que visava o engrandecimento do FCP… hoje, todos nós sabemos que não, não só pela maneira como foram alcançadas, mas igualmente ao constatarmos que quem está mais rico é Pinto da Costa e a caminho da falência é o FCP. Comconsequências graves tendo em conta o bom-nome do FCP, onde a palavra honestidade e credibilidade foram seriamente afectadas. 
Quanto a Pinto da Costa, a sua entourage e ao contrário da de LFV, conseguiu fazer passar a ideia que é um óptimo gestor e que percebe mais do que qualquer um dirigente português e até mundial do que ao futebol diz respeito, de tal forma que tudo que é bem feito (ou que parece) é exclusivamente da sua autoria e da sua famosa “estrutura”; quando as coisas correm mal… é do treinador e de outros, nunca dele. E por mais incrível que pareça, e sabendo que ele é o todo poderoso do FPC, onde nada acontece, sem a sua autorização e indicação, a massa adepta do FCP acredita que é verdade… e pelos vistos outros adeptos de diferentes clubes também. Sem dúvida a venda das nossas constantes vitórias, conseguidas a maioria bem sabe como, a todos cega, uns mais que outros, independentemente as preferências clubisticas de cada um.

Será que o SLB tivesse sido campeão estes últimas épocas como no mínimo era merecido pelo desempenho exclusivamente desportivo, demonstrado em campo, como eu e a maioria dos adeptos portistas reconhecemos (a diferença é que uns dizem que foi devido á incompetência exclusiva do próprio Benfica); hoje em dia haveria esta contestação a LFV e ao endeusamento da Pinto da Costa? Penso que não. 



Quanto ao FCP comprar bem e vender bem, é mais um mito a juntar a tantos outros, há uns anos largos era verdade, mas há muito que deixou de ser. Não sabem ou não se lembram, mas eu estou bem lembrado que após a saída de Nuno Valente do FCP, que durante as épocas seguintes foram contratados uma quantidade considerável de DE (8 salvo erro), com grandes custos económicos, que nunca chegaram aquecer o lugar e hoje já ninguém se lembra do nome desses craques, até chegar o Cissoko, vindo de Setúbal. Ou já para não falar, que enquanto o FCP comprava o banal Defour, por 7,5M€ por 85% do passe o Witsel era contratado por 7M€. Depois comparar Hulk com James é o mesmo que comparar Lima com Sálvio; já quanto a Jackson a rapidez foi tal que só na época passada é que este chegou ao clube e entretanto o FCP gastava 30M€ em dois laterais, Danilo e Alex Sandro; só o valor de Danilo, 18M€, dava para comprar Matic 5M€, Enzo 5,5M€ e Witsel 7M€ por exemplo. E só para acabar, se Jackson se lesionar quem é que o FCP tinha ou tem para o substituir!!! Na época passada contratou-se o acabado Liedson e esta temos Ghilas. 


Em termos do Mito da gestão desportiva por parte de Pinto da Costa, acho que estamos falados. 
Vocês tiveram a leviandade do caso Cardozo e nós tivemos a do Rolando, Álvaro Pereira, Guarin, Fucille, Belushi e outros mais.
E tivemos que queimar o Sapunaru, Fucile, Álvaro Pereira, para dar lugar aos DL que custaram milhões… Guarin e Belushi, para dar lugar ao El Comandante (Lucho)e ao Russo maluco e o Rolando para dar lugar a Mangala e posteriormente ao DC (Reyes) Mexicano que custou 10M€ para jogar na B. E ainda estamos com o caso Fernando em banho-maria. Em relação a centrais também nós contratamos o Reys, quando tínhamos o Otamendi, Mangala, Maicon, Rolando e Ba para fazer o lugar, já PL, continuamos com o Jackson e o Gilhas, o que é manifestamente pouco. Em conclusão o FCP reforça o sector de longe mais forte da equipa… o resto foi com restos… Liça, Josué, C. Eduardo entre outros craques de primeira apanha. Se analisarmos bem quem é que entende mais de futebol será o PC ou LFV?

 Não é só uma questão de lucidez é acima de tudo uma demonstração de Portismo e de verdadeiro amor ao ao clube. Infelizmente hoje em dia a maioria dos adeptos do FCP, não sabem o que isso é, só conhecem o FCP de Pinto da Costa e se há uns poucos que confundem FCP com Pinto da Costa, a grande maioria pensa mesmo que o FCP é Pinto da Costa. 

Claro que tudo se deve por estarem inibriados há decadas com sucessivos êxitos desportivos e não conhecerem ou respeitarem minimamente a imutável história do clube, onde se ganhava menos, muito menos, mas quando se ganhava era com inteira justiça e honestidade inquestionável. E eu sou há mais anos sócio do que PdaC é presidente, logo sem destinguir o bem e o mal do passado e presente do FCP, mas acima de tudo consigo antecipar que o futuro não será nada risonho. Mas claro não é de admirar que tal aconteça, quando os adeptos e principalmente uma grande maioria dos seus sócios, aceitam sem pestanejar uma estória da carochinha por parte do Presidente do clube, para justificar uma nova data de fundação e respectivo fundador, tendo em vista cumprir um desejo bacoco e provinciano de antecipar em relação aos nossos rivais de Lisboa, SLB e SCP, a comemoração do centenário. Quem cospe desta forma e sem pestanejar na história do clube, claro que engole ou faz qualquer porcaria para alcançar os seus desejos. Agora quero ver como é que estes meus meus consócios vão reagir e fazer, quando ficarem "orfãos" do "seu" Presidente, ao qual aprenderam amar, mais que o próprio Futebol Clube do Porto.
 




Queiramos ou não, gostemos ou não, a realidade desportiva, economica-financeira e até social, está interdependente uns dos outros. Infelizmente a realidade do futebol português, é um reflexo da cultura do compadrio, do chico esperto, da falta de justiça etc... no fundo da realidade do país que é Portugal. Se é verdade que há muitas coisas que melhoraram ao longo dos  anos, outras só pioraram ou no minimo ficaram imutáveis. 


Infelizmente o futebol há muito que serve de coutada a muitos destas criaturas que não olham a meios para alcançar os seus objectivos; tudo porque há situações inacreditáveis de corrupção e outras, quando acontecem fora do futebol, são logo criticadas e descortinadas por todos nós.Mas se são feitas ao abrigo dos "superiores" interesses dos clubes dos quais são dirigentes, são logo considerados uns herois etc... porque tudo fazem a bem do clube do coração; logo os outros ora honestos cidadãos, vestem a pele de adeptos incondicionais e pactuam sem pestanejar com os crimes, que tanto criticam como cidadãos. 

 
Eu felizmente sou um cidadão honesto acima de tudo e não é o amor que eu tenho ao FCP, que me faz ser o contrário... precisamente o contrário. O que eu sei e infelizmente tenho que reconhecer, estes mais de 30 anos no minimo de concorrência desleal que existe no futebol português, afectou em muito a vida dos restantes clubes, como naturalmente aconteceria em qualquer outro mercado.


Portanto é um problema comum a todos e não exclusivo do Benfica. Na verdade há muitos anos que os clubes viveram acima das suas capacidades, o que os levou a ter que optar por SAD, para sanear as suas contas, mas de pouco valeu, como se sabe e se pode analisar pelos respectivos R&C. 

Existem é cidadãos honestos que acima de tudo não se deixam cegar por a
clubite aguda e os outros que ficam cegos e colocam o seu clube acima de
qualquer valor moral, seja este de honestidade ou de credibilidade, nem que
para isso tenham que ser os maiores hipócritas, mesmo que dessa forma
estejam a prejudicar o próprio clube em termos de honestidade e
credibilidade.








Qualquer Portista que conheça e preze a verdade história do FCP sabe que o clube só foi fundado em 1906 e que o seu fundador foi Monteiro da Costa. Infelizmente há muitos outros que há muito que a deixaram não só de respeitar. como até cospem nela de forma vergonhosa, ao passarem o reconhecer o "embuste", inventado pelo "nosso" presidente Pinto da Costa, com o fim de comemorar a data do centenário primeiro que SLB e SCP. 
 
UMA VERGONHA para todos aqueles que cresceram numa altura que o FCP era um clube de valores, onde a dignidade e a honra, não eram palavras vãs, onde eu me incluo; já para todos aqueles que confundem o nome e a história do FCP com a de Pinto da Costa e que acham normal que tudo vale desde que se seja primeiro de todos... é tão natural acreditar nesta patranha, como foi fazer tal e qual as avestruzes, aquando das revelações das escutas de tudo o que aconteceu durante o processo "Apito Dourado" e que foram reconhecidas pelo próprio Pinto da Costa que eram verdade... só não podiam era ser utilizdas como prova em tribunal, tendo em conta a tipificação do crime cometido. MORAL ou IMORAL eis a questão.
O problema aqui não é haver um outro registo com o nome em Português; o que se passa na verdade, é que não há nenhum documento oficial e/ou não oficial que demonstre que o clube com nome Inglês tenha dado origem ao clube FCP, fundado em 1906 por Monteiro da Costa. O que existe, são vãs tentativas de se querer associar duas realidades históricas completamente diferentes numa só.
 
"Mais documentado que no blog acima referido é quase impossível As provas são óbvias"


Qual documentado qual quê; que provas é que estão lá que provam ou comprovam a "tese" inventada passadas tantas décadas (decada de 90 do sec passado) é que é a realidade histórica. O que existe é um vã tentativa de colar pedaços de uma outra história de um outro clube, entretanto extinto, à verdade histórica da fundação do Futebol Clube do Porto em 1906 por Monteiro da Costa, como foi oficialmente reconhecido por todos até á decada de 90 do seculo passado. 


..."Aqui começam as dúvidas e confusões. Também é verdade que José Monteiro da Costa fundou - burocraticamente, digamos assim - o Futebol Clube do Porto a partir da base logística do Grupo do Destino, do qual fazia parte"... 


CLUBE DO DESTINO e não o outro de Nicolau de Almeida. Querer fazer outro tipo de associações é como querer fazer crer que o Grupo Desportivo de Carcavelos, nasceu do CARCAVELINHOS... e quem conhece a história de um e de outro clube, sabe bem que um nunca teve nada a ver com outro. Uma coisa é ser-se ignorante, outra bem diferente é gostarmos de o ser.


"... Há ainda, e com absoluta certeza claro, a existência do futebol na cidade do Porto há 61 anos. A ligação Futebol Clube do Porto - António Nicolau d'Almeida e a amizade comprovada deste último com o britânico Mackechnie deveria ter certa influência com a iniciativa de José Monteiro da Costa, de mais a mais sabendo-se da presença no "novo clube" de Mackechnie, Rumsey, Wright e ainda Ernesto Sá, - que antes de 1906 também jogara em Matosinhos, no tal campo do Prado...Começa a deixar de ser assim tão parvo e uma aldrabice pegada interligar Nicolau d'Almeida e Monteiro da Costa, interligar 1893 e 1906."


Uma coisa é o FCP com as iniciais inglesas de Nicolau poderem ter até servido de inspiração ao Futebol Clube do Porto de Monteiro da Costa; outra bem diferente é um clube ter dado origem a ao outro.


P.S: O museu do FCP tem um espaço onde vai estar a 1ª acta do Futebol Clube do Porto (de 1907), onde de certeza está lavrada em acta a genese oficial (e esta é que conta para todos os efeitos) e a real data da fundação do clube e respectivos fundadores.
 
O que pode estar na cara é que não sou sem dúvida nenhuma Pintista e olha que até houve uma altura que até acreditei e votei no homem; agora eu é tornei sócio há mais de 40 anos, com a história de Pinto da Costa como presidente do clube. Pinto da Costa, felizmente numas coisas e infelizmente em outras é que faz parte da história do FCP e não é o contrário. 


Agora o que acontece, é que há uma geração de Portistas que NUNCA conheceu um outro presidente do clube, o que faz ter uma visão completamente diferente da realidade da história do clube e da personagem, do qual, tu fazes parte de certeza, tendo em conta a tua triste, redutora e manipuladora linha de pensamento. 


Mas eu até te compreendo a ti e aos outros portistas que confundem o FCP com o PdaC e o adorem e respeitem; sabes porquê? Quando eu era jovem deu-se o 25 de Abril de 1974, e eu no próprio dia não conseguia aceitar o porquê do golpe de estado contra aqueles que continuavam a obra do nosso "ADORADO" SALAZAR, 1º Ministro de Portugal, o grande estadista e governador da nossa amada Pátria, que tirou Portugal da miséria e o engrandeceu, com a sua obra e governação (ainda hoje ouço os eternos saudosistas de Salazar, a dizer a mesma lenga lenga) ele que até aquele dia era parecia ser um MODELO DE GOVERNANTE para todos os PORTUGUESES, incluindo eu, pela minha IGNORANCIA inerente á minha juventude e acima de tudo, por tudo aquilo que nos incutido na mente pela máquina da propaganda fascista.


Só te digo uma coisa, para ficares a pensar um pouco. Pinto da Costa, já está quase há tantos anos como Presidente do nosso clube, quantos Salazar foi o Lider do Regime Fascista em Portugal. E olha que no tempo dele também havia eleições e com oposição até determinada altura. Depois acabou... todos eram SALAZARISTAS, com honra... e muitos, com muito medo.

Cumprimentos Portistas

Borrego


 
Infelizmente este clima de guerra e guerrilha foi criado e alimentado durante estes últimos 30 anos pelo nosso presidente; inclusive contra os sócios que não estavam com ele nas AG e/ou eram seus criticos; eu próprio fui ameaçado e agredido verbalmente e psicologicamente pela a guarda pretoriana de Pinto da Costa.... Guarda Abel, Ricardo Maduteira (Macaco) e Bruno Pidá (O assassino das noites brancas do Porto)... dizem-lhe alguma coisa. Não sejamos hipocritas.



Borrego


6 comentários:

Manuel disse...

Um borrego que é inteligente e que não é nada carneiro. Não há muitos.

Minha Chama disse...

Bom texto.

De onde é que ele veio?

Minha Chama disse...

Bom texto, de onde veio?

Michael Krueger disse...

Sinceramente, gostei do que aqui está escrito. Acredito que é palavra de um adepto do FCP (o verdadeiro com honra e lealdade, antes de pdc chegar e estragar, o de 1906), até porque, tal como no SLB há quem seja "cego" e não reconheça o mal que lfv faz ao nosso clube, no fcp há quem não seja pintista. Só tenho pena é que este adepto não possa se revelar por saber que sofrerá represálias da parte do macaco e companhia.
Tal como Borrego diz, e bem, pdc está quase á tanto tempo quanto salazar foi 1º ministro, e quando pdc cair da cadeira, tudo se vai saber, revelar e o fcp vai andar nas ruas da armagura. Também eles, tal como a estratura portista, têm um marcelo caetano (antero?) e este não tem o "pulso" de pdc. Como aconteceu após 25 de Abril, todos quererão mamar e "zangam-se as comadres, descobrem-se as verdades"!

Obrigado e Saudações!

Manuel disse...

Ó Krueger, comparar o Peidoso ao Vieira só de alguém que é muito ignorante ou então é muito cego. Qualquer uma das hipóteses é de lamentar.

Joseph Lemos disse...

Bem comentado, Manuel

Esse Krueger não deve ter lido o painel de entrada no "blog" e passou devido à pressa,ao cansaço e à falta de tempo que por aqui tem andado.

Esse merda, tenho a certeza, não voltará a tentar aqui vir e se o fizer, fica desde já avisado da sorte que lhe espera.